segunda-feira, 7 de abril de 2008

Expressões de momento.

Fúria, raiva, amor, ira, ódio não (não gosto da palavra: ódio), esses sentimentos intensos que sentimos quando algo de grande importância nos atinge.
Uns destroem, outros escrevem, outros desenham, outros pintam, alguns criam, outros xingam, há aqueles também que guardam pra si mesmo, não expõem de maneira alguma.

Qual será o sentimento de um pixador ao marcar com tinta e spray nos muros, palavras sem sentido, sem intenções revolucionárias?!....
Pra mim não passa de uma assinatura de “passei por aqui”, aquelas frases, nomes e apelidos que deixavamos no final do caderno de nossos amigos e colegas de classe. Que aprendemos a partir da pré adolescencia.
Mas, qual a graça?
Escreva em sua prórpia propriedade: “Este barraco pertence ao mano tal”.
Claro que, não sou a favor de pixações, nem frases de efeito, com intenções revolucionárias. A favor, nem contra.
( Se tem uma coisa que odeio fazer, é opinar apenas de um lado. Acho que tenho idéias centristas – Estou sempre em cima do muro. Defendo o que é certo para mim). Sim, penso apenas no meu bem próprio, sou extremamente egoísta e ajo por interesse.
Bom, neste caso, a cidade fica apenas mais feia, aquela poluição visual, aquele clima pesado de sujeira. Não sei....
Mas que diferença faz a mim?
Não pixando o muro da minha casa, que ainda não está pronto....está de bom tamanho.

Este post não é sobre pixações, e nem sobre atos revolucionários em muros da cidade.

É sobre o grande poder, esse sentimento que temos de expressar, de mostrar a todos o que queremos que vejam.
(Algo confuso, agora em minha mente).


Tenho idéias legais, mas não tenho material.
Me dá uma câmera?
Pedido: A quem interessar.

>Começo num assunto, termino em outro.
Maldita mente desorganizada!!!!

Um comentário:

Gicelle Archanjo disse...

Bom, eu poderia dizer que BASQUIAT começou como todo pichador e aí encontrou o caminho da luz que é arte... rs mas como eu sei que vc tem uma eterna má vontade com a palavra arte, acho que ele sempre foi um impostor no mundo da arte... rs Acho que poder se expressar é fazer arte: dançar, arte dramática, música e as artes visuais... rs mas tb não quero te converter para o meu caminho de luz(arte)... vc é inteligente e sensível o bastante para encontrar qualquer coisa que seja!:D