terça-feira, 26 de agosto de 2008

Ufa, finamente exclui meu orkut.
Espero que as coisas melhorem a partir de agora!
Estou acreditando fielmente em energias ruins, mau olhado e a intervenção do mal sob mim. Não era assim!
Nunca acreditei de verdade num Deus que me desse coisas e fizesse milagres.
Mas de um tempo pra ca, algo diferente aconteceu. De verdade.
Toda vez que ouço a palavra Deus desce lágrimas de meus olhos e enxarca meu rosto inteiro.
Eu sou a pessoa mais cética que conheco, ou conheci. Jamais iria ceder minha opinião sobre Deus.
Tem noção?
Não sei se é exatamente “Deus”. Ou se é minha fé, minha parte espiritual....
Mas estou completamente vulnerável em relação a espiritulidade.

Não passei na PM por causa de altura, acreditita? Pois é, não entendi ao certo o que aconteceu, pois haviam pessoas menores e do mesmo tamanho que eu, e passaram. Acho que não era pra ser minha vez.
Fiquei chateada e tudo mais! Precisava de um abraço e de um consolo.
Liguei para minha mãe, liguei para meu pai, liguei para meu irmão...não consegui falar com ninguém.
Liguei então para meu namorado. Ele me acolheu.
Fui a casa dele, conversamos, esclarecemos algumas coisas...
Depois ele me pôs para dormr, como um bebê que precisava de carinho.
Dormi tão bem. E enquanto eu dormia, ela fazia o almoço (o arroz, o feijão e a salada).
Eu acordei e fui fazer os hamburgueres assados. Que comida gostosa! Ficou muito boa.
Estou amando de verdade meu namorado. Depois da conversa que tivemos ontem, e da boa vontade dele. Ele me reconquistou.
Minha mãe me liga e diz que eu acabei com o dia dela (por estar na casa do Rafael).
Oras, não entendo o pq!
Deixei de lado, e corri atras de minha felicidade.

Estou começando a entender, que há pessoas que realmente me amam, e outras que me odeiam e querem meu bem.
Mas eu sou forte, e consigo tudo!

Talvez hoje eu vá para igreja, um lugar onde eu sempre disse que nunca irei pisar!

Veja como são as coisas. Por isso nunca diga nunca.

Um comentário:

Gicelle Archanjo disse...

Desistiu do orkut?? que pena, era uma forma de nos comunicarmos mas tudo bem... falamos por aqui... fique bem. Qto a igreja, sou suspeita para falar, tenho uma mãe que não sai da igreja, conheço pessoas que se dizem espiritualizadas e fazem coisas feias, que nunca deviam fazer, então qdo estou mal, pego meu Fernando Pessoa, meu Rilke, ou qq livro de arte e pans... rs ou choro, choro, até ficar com dó de mim... rs até que passa ou não. Sempre penso que a arte me salva da total mediocridade. Quero tanto ser artista que acho que nunca serei, mas se eu for uma excelente professora de arte já fico muito feliz.